Futebol Feminino: Vasco busca a evolução para as meninas da Colina



O Vasco da Gama é conhecido historicamente pela sua luta contra o Racismo e igualdades para todos.

Entretanto, a direção do Gigante da Colina vem em falta com o futebol feminino, nesse sentindo, o Vasco da Gama deseja mudar esse cenário buscando estruturas para dar melhor qualidade de trabalho para as meninas da Colina.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE



Assim, Veja também sobre a resposta histórica

Futebol Femino planejamento

Por isso o Vasco busca a autonomia do futebol feminino, para isso o Gigante da Colina informou que em breve, ira acertar com dois patrocinadores exclusivos para a categoria, os espaços e os nomes das empresas são mantidos em sigilo.

Vasco deixa a rivalidade de lado e apoia Gabigol e a torcida se posiciona

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE


Além disso, pela primeira vez em mais de 20 anos, o futebol feminino do Vasco da Gama assina contrato profissional com suas atletas. As duas primeiras jogadoras a assinarem o vínculo são a lateral Índia e a volante Ju Pacheco. Os contratos foram assinados na tarde desta sexta-feira (11/2), em São Januário, e  são válidos até dezembro de 2023.

– Quero agradecer ao Vasco da Gama por me dar a oportunidade de assinar meu primeiro contrato profissional. Me sinto extremamente feliz e realizada. É um sonho, não só para mim, mas para outras meninas também. Faz muito tempo que o Vasco não tem contratos profissionais e a gente vê isso como uma melhora para o futebol feminino crescer cada vez mais – disse Índia.

Índia Foto: Matheus Lima/Vasco

– Eu estou muito feliz. Esse ano completo 10 anos aqui no clube e é a primeira vez que tem contrato profissional para o futebol feminino. Fico feliz de ser a primeira e espero que mais meninas possam ter essa oportunidade – disse Ju Pacheco.

Futebol feminino Vasco
Ju Pacheco Foto: Matheus Lima/Vasco

Além disso Vasco também olha a base feminina

Além, dos contratos profissinais o Vasco também assinou um contrato de formação com a atleta Thalia Ferreira Germano da Silva. Nascida em 2004, a meio-campo tem contrato válido até dezembro de 2023.

A atleta fez parte da equipe Sub-18 cruzmaltina, que chegou a semifinal do Campeonato Carioca disputado em dezembro do ano passado.

Foto: Divulgação

Assim também leia o texto completo da Resposta História do Vasco

Por isso se gostou nos siga no Facebook

Além disso tem o Twitter

Fonte: Site Ao Vasco Tudo e Site Oficial do Vasco