Zé Ricardo ignora jogadores da base do Vasco; veja quais



“A base do Vasco vem forte” é uma frase repetida pelos torcedores, mas que não parece ser agradável ao treinador vascaíno. Zé Ricardo, em seu retorno ao Gigante da Colina, vem estruturando seu time base com poucos jogadores formados no próprio clube.

QUEM DEVE SER O TITULAR NO ATAQUE DO VASCO? VOTE AQUI

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE



No jogo treino contra o Audax, por exemplo, apenas o zagueiro Ulisses e o meia Juninho foram os únicos da base que começaram o duelo. Todavia, ambos só saíram jogando porque os reforços contratados para a posição se juntaram ao elenco mais tarde.

Ao longo da partida, Zé Ricardo deu chances a peças formados na base vascaína. Matías Galarza, Riquelme, Gabriel Pec, Laranjeiras e MT melhoraram a qualidade da equipe que, mesmo assim, acabou sendo derrotada por 2 a 0.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE


“A base do Vasco vem forte”

Sem conseguir o acesso à elite do futebol brasileiro em 2021, o Vasco da Gama terá um ano ainda mais difícil em 2022. Por isso, há uma preocupação grande em formar a equipe com jogadores mais experientes e que aguentem a pressão de mais uma Série B. Apesar disso, alguns jovens jogadores precisam ser titulares.

Riquelme e Gabriel Pec, por exemplo, terminaram a temporada com boas apresentações, mesmo diante de resultados negativos. A expectativa era de que ambos seguiriam recebendo oportunidades este ano, mas não é o que vem acontecendo.