Veja quanto dinheiro o Vasco perdeu por trocar a Globo pela Record

Vasco da Gama

A Rede Globo foi uma parceira do futebol brasileiro por anos e, com isso, conseguiu monopolizar os direitos de transmissão no país. Esta época, no entanto, chegou ao fim e 2021 é um exemplo disso no Rio de Janeiro.

TREINADOR DO VASCO FALA SOBRE GOLS SOFRIDOS DE BOLA PARADA

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO


O Campeonato Carioca, apelidado de O Mais Charmoso do Brasil, está sendo exibido na TV Aberta pela Record e por pacotes exclusivos de Pay Per View. A maior liberdade na negociação dos direitos de transmissão, entretanto, não significou, ao menos no primeiro momento, maior receita para os times cariocas.

VEJA QUANDO OS NOVOS REFOÇOS DO VASCO DEVEM ESTREAR

No último acordo com a Globo, por exemplo, para ter a exclusividade nas transmissões dos jogos, o Vasco da Gama recebeu algo em torno de R$ 18 milhões. E hoje em dia?

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO


Sem a Globo, quanto o Vasco recebe?

O contrato feito com a Record para a exibição dos jogos do estadual garante ao time exibido em TV Aberta R$ 733 mil, ou seja, sempre que o Vasco aparece na emissora ao vivo, recebe esta quantia.

VASCO AUMENTA O NÚMERO DE REFORÇOS E REDUZ DESPESA COM SALÁRIOS

Atualmente, o Gigante da Colina teve o empate por 1 a 1 com o Fluminense e a derrota por 1 a 0 para o Volta Redonda transmitidos pela Record. Ou seja, o Cruzmaltino arrecadou aproximadamente R$ 1,5 milhão.

SAIBA COMO FUNCIONA O ACORDO DO VASCO COM A RECORD

Ademais, o clube deve receber pela venda de Pay Per View. Todavia, os valores dificilmente se aproximam dos que a Globo pagava. Mesmo com a redução da proposta da emissora para este ano que, segundo o Rodrigo Mattos, do UOL, seria de R$ 9 milhões para cada time grande, os números ainda seriam maiores do que os atuais.

O torcedor do Vasco tem dificuldades para assistir aos jogos

Ao mesmo tempo, o torcedor do Vasco tem dificuldades para assistir aos jogos do seu time. Com um cenário ruim na economia do país, muitos não conseguem pagar o Pay Per View e acabam recorrendo aos canais piratas.

VEJA QUANTO O VASCO PRECISA PAGAR PARA FICAR COM MATÍAS GALARZA

Por fim, a FERJ (Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro) vem buscando coibir esta prática, porém sem grande sucesso. Os novos tempos ainda não estão sendo bem assimilado pelos torcedores!