Vasco negocia com atacantes que têm menos gols do que Ribamar

Atacantes

Os atacantes, independente da sua função em campo, têm a obrigação de marcar gols. Alguém discorda disso? A diretoria do Vasco da Gama sim, ao buscar jogadores de ataque que não costumam marcar gols.

SAIBA TODOS OS DETALHES DO NOVO UNIFORME DO VASCO

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO


Recentemente, Ribamar passou por São Januário e chamou a atenção justamente por esse problema. Em 64 jogos disputados pelo Gigante da Colina, o camisa 9 marcou apenas 8 gols. Ao mesmo tempo, em sua carreira, o jogador contabiliza apenas 28 gols – ou seja, em 6 anos como jogador de futebol profissional, ele marcou menos gols do que Edmundo, no Campeonato Brasileiro de 1997.

HÁ 100 ANOS, FLAMENGO FRAUDOU PESQUISA PARA VENCER O VASCO

Nesse sentido, o Cruzmaltino deveria ter aprendido com a lição de recente de que precisa de atacantes goleadores, como Germán Cano. Porém, não é isso que está acontecendo.

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO


Vasco busca atacantes

Três atacantes negociam com o Vasco no momento: Morato, do Red Bull Bragantino, Léo Jabá, do Paok, da Grécia, e Everaldo, do Corinthians. Entretanto, eles têm em comum o fato de marcarem poucos gols na carreira.

Dentre eles, apenas Morato fez mais gols do que Ribamar, que atualmente defende o América-MG. Destaque no Ituano e depois no Bragantino, em 2019, ele tem na carreira 29 gols, sendo sua melhor temporada citada anteriormente quando marcou 12 vezes.

Léo Jabá, por sua vez, que está no futebol grego, tem ao todo 12 gols oficiais, ou seja, o atleta formado pelo Corinthians balançou as redes toda sua história como futebolista o mesmo número de vezes que Morato em seu melhor ano.

Everaldo, que atualmente está no Timão, não fica atrás, pois fez somente 25 gols, tendo em 2019 a sua melhor temporada quando defendia o Fluminense – e fez 5 gols.