3 jogadores que reduziram o salário para jogar no Vasco

Vasco tem jogadores que precisam sair

O salário é essencial para qualquer trabalhador e, no futebol profissional masculino, não é diferente. Os jogadores defendem seus clubes mediante ao pagamento de remunerações.

VEJA O QUE FALTA PARA RÔMULO ESTREAR NO VASCO

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO


Para alguns atletas, estes valores são extremamente altos, o que impede a sua contratação por times em maiores dificuldades financeiras. Outros, entretanto, por empatia com determinados times, aceitam receber menos pelo prazer de atuar com algumas camisas.

VEJA COMO FOI O ÚLTIMO JOGO DO VASCO

No Vasco da Gama, esta é a posição adotada por alguns jogadores, em especial três atletas que poderiam ganhar mais em outros time, todavia aceitaram ganhar menos para ficar em São Januário.

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO


Jogadores que reduziram o salário pelo Vasco

Zagueiro e capitão do Gigante da Colina, Leandro Castán teve sua saída analisada pela diretoria vascaína. Nesse sentido, as atuações contestáveis na queda da equipe no Campeonato Brasileiro tornaram seu nome dispensável na Colina Histórica e como possível reforço em outros clubes. O jogador, entretanto, não quis em nenhum momento deixar o clube que lhe abriu as portas em momento de dificuldade e reduziu o seu salário para permanecer.

VEJA A AGENDA DOS PRÓXIMOS JOGOS DO VASCO

Do mesmo modo, o lateral Léo Matos também atuou na negociação de sua renovação contratual. Por fim, ciente de que o Cruzmaltino não pode arcar com altas remunerações, o atleta ampliou seu vínculo recebendo um salário menor.

Vanderlei, goleiro recém contratado, ganha menos no Vasco do que recebia no Grêmio. Ao mesmo tempo, a oportunidade de atuar no Rio de Janeiro e fazer parte de um projeto reestruturação convenceram um dos melhores arqueiros do Brasil a jogar a Série B do Brasileirão.