Mercado

Pedrinho informa que vai se reunir com Philippe Coutinho

No comando da SAF do Vasco, Pedrinho tem participado do planejamento do futebol e já se encontrou com o técnico Álvaro Pacheco e o diretor de futebol Pedro Martins. Nesta quarta-feira, o presidente revelou ainda que terá uma reunião com Philippe Coutinho. Há negociação para o retorno do meia.

– O Coutinho causa um alvoroço, na minha casa também, meu filho me pergunta todo dia. Ele tem um contrato com o Aston Villa, o mais importante é que ele tem o interesse de vir e nós temos o interesse de trazer esse grande jogador e ídolo da torcida do Vasco. Não é um movimento fácil. Após o clássico, eu vou encontrar com ele e teremos uma direção maior. Até agora foram conversas por telefone. Vamos entender a realidade e pensar no próximo passo – comentou o presidente.


No domingo, o Vasco enfrenta o Flamengo pelo Brasileirão, no Maracanã. O encontro entre o presidente e o jogador, revelado em São Januário, ocorreria depois disso. Coutinho tem contrato com o Aston Villa até junho de 2026. 

Álvaro pacheco estreará no domingo. Após participar de audiência pública sobre o potencial construtivo de São Januário, nesta quarta-feira, Pedrinho também revelou ter jantado com Álvaro Pacheco e o diretor de futebol Pedro Martins. 


– Com o Pedro eu já tenho tido um contato mais próximo. O Pacheco é um cara super educado, carismático, mostrou ser um grande conhecedor de processos de treinamentos e de jogos. Mostrei para ele um pouquinho, dentro da minha visão, o que o torcedor do Vasco espera em termos de trabalho. Tendo um time maravilhoso ou não, não tem como prometer o que vai conseguir, a única coisa que precisa se comprometer é ser competitivo, lutar e honrar dentro de uma ideia de jogo – afirmou o presidente Pedrinho. 

– Fazer com que a arquibancada se sinta contagiada com o que acontece em campo. Não é uma receita fácil. Você pode investir R$ 10 milhões e isso não quer dizer que vá ser campeão, mas dentro de campo tem sinais que mexem com a torcida. O maior sinal para a torcida do Vasco é o comprometimento com a camisa. Falei um pouco da minha história, ele falou a dele. Dei tranquilidade em meio ao processo que está acontecendo, disse que quem está trabalhando não vai ser afetado. E falei da importância desse clássico – completou ele.

Veja outras declarações de Pedrinho:

Busca por recursos

– Nós temos um sócio, respeitamos muito isso, estamos entendendo o cenário jurídico e nos preparando para todas as situações. O Vasco precisa de receitas e de investimento, seja de patrocínio, do retorno dos sócios, de um próximo investidor… A gente tem que conversar com o mercado para estruturar o Vasco. (Ida a São Paulo foi para reunião com Crefisa?) A minha ida a São Paulo é comum, vou pra lá há muito tempo, conversar com investidores, possibilidades de patrocínios, para aumentar a receita do Vasco. Espero organizar o Vasco para não sofrer financeira ou esportivamente.

Espera o aporte de setembro?

– A princípio, não. Com a liminar não existe a possibilidade do aporte, mas o jurídico pode falar melhor sobre isso. O aporte não influenciaria em contratações, estrutura de CT… Se acontecesse seria para sanar as dívidas que o clube fez. O impacto não seria o que as pessoas esperavam.

Outros reforços

– A única conversa que a gente teve foi com o Philippe Coutinho. Não teve conversa com nenhum outro jogador, e a gente precisa ser muito verdadeiro e realista. Preciso entender o caixa da SAF e vou passar verdadeiramente as perspectivas de investimento do Vasco.

Fonte: ge