Valor de aluguel do Maracanã gera desconforto e Vasco questiona

Consórcio pede R$ 250 mil de aluguel, além de R$ 130 mil de taxas, e revolta direção. Clube também questiona carga de ingressos e envia ofício ao governo, com cópias para Flamengo e Fluminense.

O valor causou estranheza e indignação, uma vez que Flamengo e Fluminense, dois dos atuais administradores, seguem pagando R$ 90 mil por jogo. O vasco entende, no entanto, que deveria haver isonomia, assim como aconteceu no Campeonato Carioca, há pouco mais de dois meses, quando o clube gastou R$ 90 mil para mandar um jogo da semifinal contra o Flamengo, além da taxa de ressarcimento de R$ 75 mil (veja o borderô no fim da matéria). Em 2019, quando foi assinado o contrato de cessão do estádio a Flamengo e Fluminense, ficou definido que Vasco e Botafogo teriam de pagar aluguel de R$ 90 mil para jogar no estádio.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE


ge apurou que um dos motivos que elevou o preço do aluguel foi o fato de o Consórcio não querer aumentar o número de jogos do Maracanã, que tem recebido todas as partidas de Flamengo e Fluminense como mandantes. Portanto, imagina-se que um valor maior iniba a procura de outros interessados pelo estádio.

Fonte: Retirado do Ge, matéria completa clique aqui.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE




  


PESQUISA NA WEB GOOGLE